Resenha: Stressed – Cauterização Cosmecêutica a Frio! (Anna Haven)

Olá pessoal, tudo okay?

Hoje vou resenhar pra vocês a linha Stressed da Anna Haven. Trata-se de uma cauterização diferente… Ela tem base cosmecêutica (um conceito que vai além da cosmética habitual, englobando tanto ela como o conceito farmacêutico) de uso a frio! Sim, não é aplicado o calor para “cauterizar” a fibra. Uso profissional.

 

“A cauterização é o processo de reconstrução capilar mais comum nos salões de beleza e com grande  adesão do cliente final. Usando a analogia do termo médico cauterização, que consiste em queimar ou fechar tecidos do corpo, a cauterização consiste em “selar” a queratina nos fios através do uso do calor da prancha.


Esse método de tratamento capilar existe a aproximadamente 10 anos, sendo popular até os dias de hoje.


Com o uso indiscriminado de progressivas e outros processos que utilizam queratina como principal ativo, encontramos um número crescente de cabelos com uma característica em comum: o endurecimento e consequentemente a quebra, causadas pelo uso excessivo de queratina, que forma uma “casca” hidrofóbica no cabelo, comprometendo a ação de tratamentos e a beleza dos fios.”


O excesso de queratina nos fios tal qual o uso de calor excessivo é reconhecido pelos profissionais como dano severo e cada vez mais frequente no dia a dia dos salões. Mesmo assim, a cauterização continua sendo amplamente trabalhada.


Como esse processo é indicado como “reconstrutor” é indicado para cabelos com danos severos, fragilizados, quimicamente tratados e principalmente cabelos com elasticidade. Porém cabelos loiros, finos e com progressiva não apresentam resultados satisfatórios, um fato extremamente contraditório, pois representam quase totalidade dos clientes que utilizam os serviços de salão de beleza.


A Anna Haven buscando uma resposta para a necessidade dos profissionais em oferecer um tratamento de reconstrução efetivo e indicado para todos os tipos de cabelo, desenvolveu a linha Stressed, que alinha as necessidades dos profissionais e tecnologia cosmecêutica.


Diferente das cauterizações capilares disponíveis no mercado, Stressed conta com o ativo Lacase, uma enzima proteolítica que combate o excesso de queratina nos fios, flexibilizando cabelos saturados por processos anteriores.

Stressed conta também com uma grande carga de aminoácidos, que recompõe a estrutura protéica do fio profundamente, sem oferecer uma ação superficial, comom as cauterizações tradicionais.


De acordo com estudos científicos, o uso do calor associado a lipídios e proteínas apontou uma queda na absorção dos mesmos na fibra capilar: acima de 40 graus Celsius a absorção sofre uma queda considerável, derrubando assim o conceito do processo anterior. Foi comprovado que a absorção e os resultados são relacionados com a concentração de ativos elevada e em temperatura ambiente.


A linha Stressed alia alta concentração, resultados imediatos, tecnologia, segurança e extrema praticidade. Todo processo é realizado em lavatório em no Máximo 20 minutos. O processo antigo de cauterização capilar demanda mais de 1 hora.”


Bem… Show não é? Nem preciso falar nada! ahahah’

O processo todo é realmente rápido, e consiste em apenas quatro passos:

#Shampoo Stressed

#Replishiner

#Full Mask

#Finish Repair


Bem, vamos lá. Recebi uma dosagem dos quatro produtos. E após duas aplicações posso vir trazer pra vocês os resultados sensoriais e visuais que obtive.

 

Vou deixar o passo a passo:

 

1 – Lavar os cabelos com Shampoo Stressed. Repetir a operação.


2 – Após a lavagem, retirar o excesso de umidade dos fios com o auxílio de uma toalha.


3 – Aplicar em toda a extensão dos fios o passo 2 Replishiner. Concentrar a aplicação nas áreas mais danificadas dos fios. Aplicar a quantidade necessária para desembaraçar e deixar os cabelos com aspecto condicionado. Massagear para potencializar a absorção do produto.


4 – Aplicar logo em seguida 1-2 pumps de Full Mask em toda a extensão dos fios. Massagear e alinhas os fios com o auxílio de um pente. Deixe agir por 10 minutos.


5 – Enxaguar com água morna/fria.


6 – Retirar o excesso de água com o auxílio de uma toalha. Aplicar 2/3 pumps de Finish Repair por toda a extensão dos fios, concentrando nas áreas mais danificadas dos fios.


7 – Secar os cabelos procedendo uma escova rápida. Caso deseje pranchar, aplicar algumas gotas de Self Luminous na aplicação.


Bem, no uso (não obtive as fórmulas, então não posso falar sobre os ativos)…

O shampoo tem uma coloração creme suave e de textura puxada para a liquida, com um perolado bem bonito de ser ver, que chega a parecer que é cremoso, tem um aroma levemente amadeirado (como os outros itens).  Não resseca em nada os fios (o que acho um primor, já que os fios estariam danificados), além disso deixa um singelo brilho e deixa os fios fáceis de manusear para os próximos passos.

 

Replinisher é puxado para o liquido, tem coloração amarelada. Creio este ser rico em aminoácidos, e a dita Lacase. Uma pequena quantidade é necessária para espalhar ao longo dos fios; sendo que aplico um pouco mais nas partes mais danificadas, no caso, as pontas. Ele dá um sensorial de que você está sim passando algo nos fios, mas ele nem deixa os fios muito macios, nem os deixa muito rígidos, ele deixa os fios apenas envolvidos dele. Um sensorial diferente De fácil aplicação.

 

Full Mask tem uma coloração branca de textura firme porém maleável e não oleosa. Em seu interior contém algumas partículas brancas que vão se dissolvendo conforme você as “amassa” e massageia nos fios. Coloração branca, e aroma mais suave do que o dos produtos anteriores. De fácil aplicação, deixa os fios maleáveis e com um sensorial de maciez durante a aplicação, após o tempo de ação e enxágue.

 

O último passo, o Finish Repair, me veio pouca quantidade, não entendi o porque de início, mas após a primeira aplicação já pude entender o porquê disto: ele é concentrado e tem ação superior! Aliás, ele é LIQUIDO! Tanto que fui vê-lo no escuro e acabei derramando um pouco (#LoiroBurro). Ele tem uma coloração levemente puxada para o salmão, e a quantidade que uso dele é a de uma moeda de 5 centavos em raio. Sim, é pouco mesmo! Após os fios secarem, a primeira vez deixei secar ao natural, os fios ficam SUPER definidos, brilhantes, macios, vivazes, controlados e com um aspecto saudável que eu não via há algum tempo! Na segunda aplicação, utilizei o secador, e ele deixa as mesmas características, no básico. Entretanto, o efeito é realmente cumprido a frio, pois deixando secar ao natural notei efeitos ainda mais satisfatórios. Tudo em pouquíssimo tempo!!!

 

O que promete: Combater o excesso de queratina nos fios, flexibilizar os cabelos,recompor a estrutura proteica do fio sem ação superficial (comum das cauterizações tradicionais), resultados imediatos.

O que faz: Anna Haven só me surpreende! Resultados realmente notáveis e diferenciados. Superioridade. Doa maciez, brilho, vivacidade, controle e definição. Sensorial saudável.

Classificação: Excelente

Compraria novamente: Sem dúvidas

Nota: 10++


Abraços.

F.

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: